Quarta-feira, 21 de Setembro de 2011

Queer Lisboa 15 - Destaques quinta-feira, 22 de Setembro (com trailers)

Qua, 21/09/11

Para quem não pôde ver os filmes alemães "Stand Land Fluss" e "Die Jungs vom Bahnhof Zoo", tem hoje, quinta-feira, 22, às 17h, nova oportunidade, o primeiro repete na sala 1 e o segundo na sala 3. A vida e obra do pai do Queer Lisboa, Celso Júnior, e de Bruce LaBruce são o grande destaque do 7.º dia de Festival.


 

 

 

 

 

19h30 Sala 1

Programa de Curtas 2 - Secção Competitiva para Melhor Curta-Metragem


"Uniformadas" (Espanha, 2010, 18'), de Irene Zoe Alameda, ficção, versão original castelhana, legendada em inglês.
Margaret é uma rapariga solitária mas muito observadora. Todos os dias é bombardeada pelas mensagens uniformizantes que a tentam educar para cumprir um determinado papel na sociedade.

 

"Eu Não Quero Voltar Sozinho" (Brasil, 2010, 17'), de Daniel Ribeiro, ficção, versão original portuguesa, legendada em inglês.
A vida de Leonardo, um adolescente cego, muda completamente com a chegada de um novo aluno à sua escola.

 

 

 

"Sa-rang-eun Back-do-cee" (Coreia do Sul, 2010, 8'), de KIM-JHO Gwang-soo, ficção, versão original coreana, legendada em inglês.

Um rapaz surdo, Min-soo, é gay e está apaixonado pelo seu colega de escola, Ji-seok. Um dia, Min-soo impulsivamente tem relações sexuais com um homem que trabalha numa sauna...

 

"The Game Kiss" (Indonésia, 2010, 8'), de Paul Agusta, ficção, versão original indonésia, legendada em inglês.

Peter e Marco, ambos com 15 anos, jogam videojogos no quarto de Marco. De repente, Marco encosta-se a Peter para o beijar.

 

"My new song is coming along great" (Chile, EUA, 2010, 5'), de Omar Zúñiga Hidalgo, documentário, versão original inglesa, sem legendas.

Joe tem 16 anos. Ele está a aprender a tocar piano e passa algum tempo com o amigo Jimmy. Já viveu com várias famílias de acolhimento. Será esta agora a sua família definitiva?

 

"Loop Planes" (EUA, 2010, 11'), de Robin Wilby, ficção, versão original inglesa, sem legendas.

Esta é a história de Nick, de 13 anos, que vive e trabalha com o seu austero, embora sensível, pai. A acção do filme decorre no dia em que a sempre ausente mãe o vem buscar para ir viver com ela.

 



 

22h Sala 1

Queer Art
"Revolving Door (New Fuck New York)" (EUA, 2011, 3'), de Bruce LaBruce, teledisco, versão original inglesa, sem legendas.

Teledisco do realizador canadiano Bruce LaBruce para o tema original de Gio Black Peter.

 


"The Advocate For Fagdom" (França, 2011, 92'), de Angélique Bosio, documentário, versão original inglesa, sem legendas.

Artista transgressor no mais puro sentido do termo, filho espiritual de Kenneth Anger e de John Waters, ou líder do movimento queercore, uma coisa é certa: Bruce LaBruce é mestre nos filmes independentes de baixo custo, cheios de sexo explícito, mensagens políticas, e com tanto de violência como de afectividade. "The Advocate For Fagdom" faz a apologia da sua vida e obra.

 



 

19h Sala 3

"We Were Here" (EUA, 2011, 90'), de David Weissman, versão original inglesa, sem legendas, Secção Competitiva para Melhor Documentário.

 

Este filme é o primeiro documentário a propor um olhar retrospectivo em profundidade sobre a chegada e o impacto da SIDA na cidade de S. Francisco. É explorado o modo como os habitantes da cidade foram afectados pela epidemia calamitosa, e como a ela responderam.

 

A seguir à projecção do documentário "We Were Here", pelas 20h30, tem início o debate "VIH/SIDA: 30 anos depois" promovido pelo GAT - Grupo Português de Activistas sobre Tratamentos de HIV/SIDA - Pedro Santos, CheckPointLx, com a participação do Dr. Kamal Mansinho e do Prof. Dr. Jaime Nina, ambos do Hospital Egas Moniz, e do Dr. Pedro Silvério Marques do Centro Anti-Discriminação VIH/SIDA.

 



 

23h30 Sala3


"The Life and Death of Celso Júnior" (Grécia, 2011, 48'), de Panagiotis Evangelidis, documentário, versão original inglesa, sem legendas.


O que é mais importante? As botas ou o homem que as calça? Num armazém no Brasil, um par de botas de pele cativam a atenção do pequeno Celso. Hoje, ele é um artista a viver na Suíça, casado com o seu apaixonado. A vida e os pensamentos, a arte e as muitas mortes do criador e fundador do Queer Lisboa.

 

 

Luís Veríssimo


Já segues o dezanove no Facebook?

Newsletter

Recebe as notícias do dezanove por e-mail:

Últimos comentários
  • As pessoas que abrem bares gays em Lisboa não têm ...
  • Este evento decorreu em Lisboa. Poderão ter mais i...
  • em que cidade foi este evento?
  • Mais bares em Lisboa? Não estará a oferta a ficar ...
  • existe algum grupo para este evento no facebook?
  • Podem ver a entrevista completa aqui também: http:...
  • só não devemos recomendar estes médicos para tirar...
  • Ah, só para ficar claro, a minha utilização do ter...
  • André faria, o género não se muda, ele é psicológi...
  • LEIAM SOBRE A HISTORIA DA IGREJA CATOLICA E VEJAM ...
  • Artigo informativo.
  • O Catecismo da Igreja Católica, que dita como deve...
  • É sempre um prazer enorme ler uma entrevista ou de...
  • Sinceramente, ás vezes não tenho a certeza se o Pa...
  • Porque é que há a necessidade de por rótulos? Talv...
  • tags

    a cuidar(79)

    a fazer(534)

    a saber(1298)

    a ver(770)

    activismo(53)

    agenda(195)

    bizarro(54)

    brasil(77)

    bullying(62)

    casamento(90)

    cinema(68)

    cinema gay(66)

    co-adopção(50)

    corpo(81)

    crónicas(66)

    desporto(54)

    destaques(551)

    direitos(143)

    direitos lgbt(214)

    entrevista(55)

    espanha(58)

    eua(106)

    famosos(113)

    homofobia(157)

    ilga portugal(98)

    inédito(64)

    internacional(246)

    lisboa(315)

    música(70)

    passatempos(92)

    porto(92)

    portugal(313)

    praia 19(206)

    queer lisboa(94)

    rede ex aequo(84)

    sexy(82)

    teatro(64)

    televisão(79)

    vídeo(214)

    vih(87)

    todas as tags

    blogs SAPO